Razão de ser...

Razão de ser
Nesta cidade, cujo patrono é o ilustre poeta Bocage,
onde sempre existiu forte tradição poética,
com movimentos formais e informais de poetas e escritores,
faz todo o sentido a existência de uma Associação Cultural
que reúna os poetas numa "Casa da Poesia"
_________________________________
Objetivos da Casa (Consultar em rodapé)

sábado, 28 de fevereiro de 2015

O tema AMOR, em despedida

                                                                                                        Eduarda Gonçalves





Praia Deserta

Piso ao de leve a sombra dos teus passos
Em busca dos caminhos percorridos,
À espera, ainda, de encontrar teus braços
Num gesto de amor, p'ra mim estendidos.

A luz que iluminou as nossas vidas
Foi-se apagando muito lentamente
E as emoções, aqui, por nós vividas
Foram também levadas na corrente.

Resta-me a solidão a que me oponho
Nesta praia, onde te sinto ausente
Lembrar, como foi belo, o nosso amor.

Procurando esquecer este meu sonho
Ergo-me a caminho, lentamente,
Deixando ao mar, guardada, a minha dor.

                                                      Maria de Lourdes Nascimento

Sem comentários:

Enviar um comentário