Razão de ser...

Razão de ser
Nesta cidade, cujo patrono é o ilustre poeta Bocage,
onde sempre existiu forte tradição poética,
com movimentos formais e informais de poetas e escritores,
faz todo o sentido a existência de uma Associação Cultural
que reúna os poetas numa "Casa da Poesia"
_________________________________
Objetivos da Casa (Consultar em rodapé)

sábado, 28 de fevereiro de 2015

O tema AMOR, em despedida

                                                                                                        Eduarda Gonçalves





Praia Deserta

Piso ao de leve a sombra dos teus passos
Em busca dos caminhos percorridos,
À espera, ainda, de encontrar teus braços
Num gesto de amor, p'ra mim estendidos.

A luz que iluminou as nossas vidas
Foi-se apagando muito lentamente
E as emoções, aqui, por nós vividas
Foram também levadas na corrente.

Resta-me a solidão a que me oponho
Nesta praia, onde te sinto ausente
Lembrar, como foi belo, o nosso amor.

Procurando esquecer este meu sonho
Ergo-me a caminho, lentamente,
Deixando ao mar, guardada, a minha dor.

                                                      Maria de Lourdes Nascimento

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Respirar Poesia

No passado sábado, dia 21 do corrente mês, Setúbal respirou Poesia, agradavelmente associada à Música e aos valores da Cultura tradicional.

As Sessões decorreram na Casa da Cultura - Sala José Afonso e no Salão Nobre da CMS, perante interessada e numerosa audiência. 








sábado, 14 de fevereiro de 2015

Poesia com São Valentim




A Casa da Poesia de Setúbal promoveu mais uma Conversa com Versos, em dia de São Valentim.
Tarde muito agradável, em que o tema do AMOR percorreu belos poemas, ditos e cantados...









terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Conversa com Versos no Dia de São Valentim


Poderemos, ainda, escutar um belo poema de Florbela Espanca, interpretado pela 1. soprano Miká Nunes, acompanhada à guitarra por José Leão.

Contamos com a vossa presença

domingo, 1 de fevereiro de 2015

Momento Festivo


Em cerimónia realizada na antiga Escola Conde Ferreira, e na presença de muitos Amigos, o Sr. Presidente da União de Juntas das Freguesias de Setúbal e a Casa da Poesia de Setúbal assinaram o Protocolo de cedência do seu espaço/sede. Momento e motivo de grande alegria  para todos!



Na mesma altura, a Casa da Poesia de Setúbal teve o grato prazer e honra de receber parte do Espólio Literário da Poetisa e Musicóloga setubalense Maria Adelaide Rosado Pinto, doado por seu sobrinho, Sr. Dr. José E. F. Rosado Pinto.
O momento foi assinalado com justa homenagem, através da leitura de poemas da Poetisa, (alguns deles inéditos)  e pelas participações de Organismos Musicais a que a Musicóloga esteve intimamente ligada: Coral Luísa Todi, Academia de Música Luísa Todi e Conservatório Regional de Setúbal.